A Polícia Civil prendeu no sábado (16) um idoso de 62 anos suspeito esfaquear o amigo e atirar contra a própria namorada em Castro. Uma crise de ciúmes teria motivado as tentativas de assassinato que aconteceram na noite de sexta-feira (15).

Um dos crimes ocorreu em um bar na Rua Oscar Marfut, Vila do Rosário. O motorista, identificado apenas pelas iniciais P.M, bebia com o amigo, auxiliar de serviços, de 43 anos, quando houve um desentendimento entre os dois. O motivo do desentendimento seria porque amigo teria ‘olhado com interesse’ para a namorada do acusado.

Evitando brigar, o auxiliar de serviços pagou a conta e entrou em seu carro para ir embora. Ao embarcar no veículo, foi atingido com uma facada no pescoço. A vítima foi socorrida em estado grave e precisou ser transferida para Ponta Grossa. Ela passou por cirurgia e seu estado de saúde e estável.

Após o crime, ainda na mesma noite, o motorista procurou sua namorada e atirou duas vezes contra ela, mas não acertou os disparos. Antes de puxar o gatilho ele contou à mulher que matou o amigo por ciúmes.

O homem foi preso após um intenso trabalho de monitoramento realizado pelos agentes da 43ª Delegacia Regional de Polícia Civil. Ele será indiciado por tentativa de homicídio e feminicídio. Se condenado, pode pegar até 44 anos de prisão.