Uma operação da Polícia Civil batizada de Castelo de Areia deflagrada ontem (21) em Curitiba e Região metropolitana, prendeu no mínimo 7 pessoas acusadas de estelionato. A Grande Loja do Rito Memphis-Misrain é um luxuoso templo  maçônico em forma de castelo na Cidade de Campo Largo e, segundo informações da Policia Civil, era a sede de um grupo de maçons irregulares que usava programas de TV e sites na internet para atrair membros sempre oferecendo lucro e prosperidade. Para entrar o associado devia pagar uma taxa e contribuir mensalmente, algo do tipo piramide financeira.

 Segundo dados o grupo de falsos maçons deu um prejuízo que pode chegar a R$4 Milhões.