Mais de 100 policiais militares estão nas ruas de Castro (PR), nos Campos Gerais, e de outros municípios da região, pela Operação Mega Força, nesta quarta-feira (02/10). O balanço parcial é de 24 mandados de Busca e Apreensão e de 15 mandados de Prisão cumpridos. A operação do 1º Batalhão de Polícia Militar (1º BPM), pertencente ao 4º Comando Regional da PM (4º CRPM), está em andamento para combater o tráfico de drogas e outros crimes, e ainda será continuada.

“Essa grande operação vai se prolongar ao longo do dia e da noite, com abordagens, blitz de trânsito, com a presença ostensiva nas cidades de Castro, Jaguariaíva, Piraí do Sul, Arapoti, Sengés e Carambeí. Nossa ideia é reforçar a presença da PM para evitar crimes”, destacou o Comandante do 1º Batalhão, tenente-coronel Leonel José Beserra.

O foco das ações policiais é no município de Castro, e as ações contam com a parceria do Ministério Público e da Comarca da cidade. Também houve cumprimentos de mandados judiciais nas cidades de Ponta Grossa, União da Vitória e São José dos Pinhais.

Segundo o 1º Batalhão, a operação contou com o trabalho intenso do Serviço de Inteligência da unidade, na identificação de pessoas envolvidas com roubos, tráfico de drogas e desvio de cargas.

A parceria com o Ministério Público e com o Poder Judiciário da região permitiu a otimização dos trabalhos e a obtenção dos mandados judiciais. Os cumprimentos iniciaram-se logo cedo, por volta de 6 horas, com apoio de 100 militares estaduais e de 22 viaturas do 1º Batalhão. Também conta com uma aeronave do Batalhão de Polícia Militar de Operações Aéreas (BPMOA).

Nesta manhã, durante a operação foram apreendidos sete armas de fogo, R$ 6 mil em dinheiro, uma carga de cigarro contrabandeado foi recuperada e unidades de defensivos agrícolas. Em outras fases da investigação, já tinham sido presas nove pessoas e apreendidos um quilo de crack, 1,3 quilo de cocaína, 50 munições e quatro veículos.

A fase de cumprimento de mandados foi encerrada pela manhã, mas outras ações devem seguir até a madrugada com a Operação Mega Força II. Após o encaminhamento de suspeitos e de materiais apreendidos, as equipes policiais continuarão nas ruas promovendo abordagens, bloqueios de trânsito e intensificação de policiamento para inibir os crimes.