(Foto: Carlos Costa/CMC)

A Câmara Municipal de Curitiba (CMC) vota na próxima segunda-feira (22), o proejto que regula a cassação do alvará de funcionamento a quem for flagrado comercializando produtos de origem criminosa. De iniciativa de Tito Zeglin (PDT), a matéria (005.00006.2018) tramita no Legislativo desde fevereiro do ano passado.

Leia mais no Blog Política em Debate