A mulher que morreu após o desabamento de uma casa na manhã de sábado (09) em Palmeira era natural de Castro. Rosilda do Carmo Lima, de 38 anos, dormia em um dos cômodos do imóvel, quando a parede de uma construção vizinha caiu sobre ela.

A mulher ficou presa nos escombros e chegou pedir socorro ao marido, que estava na cozinha no momento do acidente. O Corpo de Bombeiros foi acionado, mas quando as equipes chegaram ao local a vítima já havia entrado em óbito.

Rosilda era natural de Castro, mas morava com o marido em Palmeira, nos Campos Gerais. Ela deixa três filhos. O sepultamento da vítima aconteceu na manhã deste domingo (10) no cemitério Nossa Senhora do Rosário, em Castro.

A Polícia Civil de Palmeira instaurou um inquérito para investigar o caso.