Começou hoje(23) a greve dos professores das escolas  da rede pública estadual de ensino do Paraná

Professores da cidade de Jagauraíva
Foto: Wey Blog de Castro
 Professores de vários municípios do estado foram até Curitiba e se reuniram em frente ao Palácio Iguaçu onde fica a sede do governo do Estado para acampar no local de modo que possa pressionar ainda mais o governo.Segundo o sindicato que representa a classe(APP-sindicato) a decisão de greve foi tomada pela demora de resposta das demandas que a categoria considera urgente que são elas um novo modelo de atendimento a saúde,a não implementação dos 33% de hora atividade para o magistério no inicio do ano letivo de 2014 e pelos descontos no auxilio-transporte

Professores da cidade de Castro fazendo
passeata pelas principais ruas do município
Foto: Desconhecido

                                                                               
  Os professores também reivindicam pela  implantação do piso nacional para o professor,o pagamento das promoções e  progressões em atraso lembrando que o governo deve mais de 100 milhões aos professores e funcionários, reajuste do piso regional para funcionários de escolas ,melhoria de contrato de Processo Seletivo Simplificado e o fim do corte do auxilio transporte para os afastados por licença médica.

   Os professores de Castro e de municípios da região  também saíram as ruas para reivindicar.Cerca de 90% dos professores e funcionários da rede publica de ensino do estado estão em greve, que deve afetar   cerca de 2.149 escolas.
   Está mais do que  na hora do governo começar a ver a realidade desses profissionais,não é de hoje que professores e funcionários reivindicam  melhores condições de trabalho e melhorias na rede pública de ensino,alias o que faz nosso país é a educação ,e a situação que se encontra o Brasil mostra a educação que temos,mas para que isso mude primeiro deve ser valorizado os profissionais que  aplicam a educação em nosso país.