Professores das escolas e Centros Municipais de Educação Infantil (CMEIs) participam nesta segunda-feira (9) no auditório da Secretaria Municipal de Educação, de formação do Programa Agrinho. Eles recebem orientação para o desenvolvimento de projetos em sala de aula.

Com o tema “As coisas que ligam o campo e a cidade”, o programa desenvolvido em parceria entre a Secretaria, Serviço Nacional de Aprendizagem Rural (Senar) e Sindicato dos Produtores Rurais de Castro, leva aos alunos informações sobre diversos temas de relevância social. As escolas recebem material que são utilizados nas atividades.

Para a professora Juliana Polistchuk, da Escola Municipal Elsa de Macedo, o programa mobiliza crianças e pais na solução do problema proposto. “As atividades trazem a comunidade para dentro da escola”, disse.

A coordenadora Alissandra Aparecida de Almeida, do CMEI Ciranda do Saber, destaca que o agrinho oferece oportunidade de conscientização sobre o tema trabalhado, além de valorizar professores e alunos. “É um projeto de grande abrangência que valoriza profissionais e estudantes, além de inserir a comunidade no ambiente escolar”, disse.

Os trabalhos desenvolvidos por professores e alunos concorrem na etapa regional e se forem selecionados, participam da fase estadual com premiações realizadas no final do ano.