blog de castro

quinta-feira, 7 de fevereiro de 2019

  • , ,

    Agricultora afirma ter sido envenenada em Castro

    Depois de dois dias na Unidade de Terapia Intensiva –UTI, a vítima recebeu alta e acionou a Polícia Militar para comunicar a suposta tentativa de homicídio.

    Foto: Divulgação


















    Uma suposta tentativa de homicídio intriga a Polícia Civil de Castro. Uma mulher acordou depois de dois dias na UTI e acionou a polícia para relatar que teria sido vítima de envenenamento. O caso foi registrado na quarta-feira (07). 

    De acordo com as informações, a agricultora de 44 anos mora na região do Terra Nova. Às autoridades, ela contou que na manhã do dia 4 de fevereiro tomou uma xícara de café na companhia dos filhos adotivos, de 14 e 16 anos, e logo em seguida passou mal. 

    A mulher desmaiou no quintal da propriedade onde mora e foi socorrida pelo irmão, que a levou até o pronto-socorro. Depois de dois dias na Unidade de Terapia Intensiva –UTI do Hospital Anna Fiorillo Menarim, a vítima recebeu alta e acionou a Polícia Militar para relatar o ocorrido. 

    Apesar do relato da mulher, a polícia ainda não tem provas contra qualquer suspeito. Um inquérito policial será aberto para a investigação do caso.