Prefeitura aprova projetos do Centro de Especialidades Médicas


O prefeito Moacyr Fadel Junior aprovou na última terça-feira (6) os projetos arquitetônicos e complementares para a construção do Centro de Especialidades Médicas de Castro feitos pela empresa J. Castro e Pertschi, de Curitiba. A obra será licitada e a execução dos serviços está prevista para o início de 2019 com prazo de um ano para conclusão.
Com investimento de R$ 5 milhões oriundos do Fundo Nacional da Saúde, por meio de indicação do deputado federal Osmar Serraglio, o Centro de Especialidades Médicas será construído na Vila Rio Branco, em área ao lado do Educandário Manoel Ribas. A obra física terá 1.900 metros quadrados com custo aproximado de R$ 3,5 milhões. Para a compra de equipamentos serão aplicados R$ 1,5 milhão.

O Centro de Especialidades contará com alas de ortopedia, cardiologia, oftalmologia, ginecologia, psiquiatria, fisioterapia, fonoaudiologia, nutrição e Núcleo de Apoio ao Saúde da Família (NASF).
O espaço disponibilizará banheiros com acessibilidade, academia completa para utilização de pacientes com indicação médica e que necessitem de atividades complementares ao tratamento para melhorar suas condições de saúde. Outro espaço interativo será a cozinha, onde profissionais vão orientar pacientes para uma alimentação saudável.
Entre os equipamentos que serão adquiridos para agilizar diagnósticos estão eletrocardio, teste ergométrico, ecocardio, ultrassonografia, colposcopia e audiometria, entre outros.
A secretária municipal de Saúde, Maria Lidia Kravutschke destacou que Centro de Especialidades Médicas será referência para a saúde básica e vai proporcionar aos pacientes um ambiente humanizado e funcional. "Será um espaço acolhedor e acessível congregando serviços especializados", disse.
Fadel ressaltou que o Centro de Especialidades Médicas representa um grande avanço na saúde pública de Castro. "Vamos ampliar o atendimento especializado à população e agilizar a realização de exames eletivos. Isso significa mais qualidade de vida para nossos munícipes", finalizou.

Postar um comentário

0 Comentários