Escola Municipal do Tronco é finalista no prêmio SESI ODS


A Escola Municipal de Estação do Tronco é finalista no prêmio SESI ODS com o projeto “Leitura Vai, Escrita Vem” idealizado pela equipe escolar para melhorar o nível de compreensão de leitura dos alunos e impactar na melhoria da aprendizagem.

De acordo com a coordenadora pedagógica da escola, Adriane Aparecida Carneiro de Jesus, o projeto surgiu após dados evidenciados no Conselho de Classe de que grande parte dos alunos do primeiro ao quinto ano se encontrava no nível básico da leitura, especificamente na compreensão dos textos. “A compreensão da leitura interfere em todo o rendimento escolar e decidimos traçar novas metas para desenvolver o projeto visando aumentar o índice de aprendizagem dos alunos”, explica.

Os professores receberam capacitação por meio de seminários, encontros e durante a hora atividade para realizar leitura de livros, artigos, reportagens e materiais que pudessem contribuir com o embasamento teórico a respeito do tema.

Também foram confeccionados recursos para contação de histórias e dinâmicas, visando atrair o interesse e o gosto pela leitura. Após a formação, os professores exploraram a leitura através de técnicas diversificadas, utilizando os livros adquiridos, visitando a Sala de Leitura e espaços diferenciados da escola. Os alunos liam para os colegas, para os pais, levavam livros para casa e faziam troca de exemplares.

Além disso, funcionários da escola e voluntários colaboraram com o projeto realizando contação de histórias para os alunos, ajudando a confeccionar painéis, passaporte do leitor e organizando a escola para reuniões, apresentações. Professores e estagiários produziram materiais e ensaiaram dramatizações, entre outras ações.

Participação

Adriane conta que os pais também foram envolvidos no projeto desde o início. Participaram do levantamento da problemática e da reflexão sobre as estratégias que seriam traçadas para alcançar os objetivos. “Fizemos um dia de mobilização em que explanamos sobre a importância da leitura e sua compreensão, e também sobre a participação da família neste contexto para o desenvolvimento dos educandos”, conta.

Adriana destaca que no decorrer do projeto houve mudanças significativas. Um dos fatores que proporcionou maior engajamento, foi colocar os alunos como protagonistas, fazendo com que participassem ativamente no desenvolvimento de várias ações. “Percebemos o interesse deles pela leitura a partir do momento em que sugeriam os livros que queriam que a escola adquirisse e quando começaram a escolher a leitura de livros durante o recreio e no horário do almoço”, disse.

O resultado do projeto, que iniciou em outubro de 2017, foi uma considerável melhora dos alunos nas atividades de leitura. “Constatamos que o dobro dos alunos melhorou a compreensão leitora. Conseguimos, enquanto escola, mostrar a importância que a leitura tem na vida de cada um. Podemos fazer a diferença e temos que acreditar e incentivar a leitura, mostrando aos alunos que vão levar isso para a vida toda”, finalizou.

Prêmio

O prêmio SESI ODS tem o objetivo de reconhecer os melhores projetos de indústrias, empresas, poder público, organizações da sociedade civil e instituições de ensino para o alcance dos Objetivos do Desenvolvimento Sustentável (ODS). Oferecido pelo Sistema FIEP, por meio do SESI no Paraná, o prêmio, em sua última edição, teve 297 inscritos, 70 finalistas e 14 premiados.

A revelação dos ganhadores de 2018 acontece no dia 30 de outubro, durante o Congresso Sesi ODS, no Campus da Indústria.

Postar um comentário

0 Comentários