Polícia Civil prende condenado por estupro

Um homem de 37 anos foi preso em um cumprimento de mandado de prisão por estupro, com resultado de lesão corporal, pela Polícia Civil de Castro. A prisão aconteceu nas primeiras horas desta sexta-feira (18).


O elemento identificado apenas pelas iniciais A.B.C teve seu paradeiro descoberto depois de um intenso trabalho de investigação feito pela equipe da 43ª Delegacia Regional de Polícia Civil. Ele estava morando em um imóvel na região central da cidade.


De acordo com a polícia, o suspeito foi condenado à prisão pela Justiça de Telêmaco Borba. Como as autoridades do município estavam empenhadas em encontrá-lo, ele fugiu para Castro, onde se passava por aplicador de veneno em jardins para ganhar a confiança dos moradores e conseguir refugio. “Ele chegava nas casas com uma ‘conversinha’, como se fosse passar veneno, ia ganhando a confiança dos moradores, que mal sabiam que este elemento é um monstro”, disse o Superintendente da Polícia Civil de Castro, Ricardo Santos.


O homem foi levado a 43º DP para os procedimentos cabíveis e posteriormente para a Cadeia Pública de Castro.

Postar um comentário

0 Comentários