segunda-feira, 28 de julho de 2014

  • , , ,

    Três arrombamentos ocorreram no final de semana, população do Abapan sofre com furtos

    Ao todo foram três arrombamentos registrados durante o final de semana.Um deles acorreu no Abapan.

    O primeiro arrombamento aconteceu na sexta-feira (26) e o alvo de um marginal, foi uma clinica localizada na Vila Rio Branco. Segundo informações, quando a proprietária da clinica chegou ao local pela manhã, constatou que seu estabelecimento havia sido arrombado. Da clinica o elemento levou uma TV de LED Phillips 42 “e R$ 40,00 em dinheiro. O furto aconteceu por volta das 00h55.

    Segundo a proprietária da Clinica, as câmeras de segurança do local flagraram a ação do marginal, que no momento do furto trajava calça jeans escura e blusa de moletom cinza com capuz. A polícia militar realizou patrulhamentos, mas não localizou o elemento.

    Outro arrombamento aconteceu por volta das 19h00 de Domingo (27), dessa vez os marginais adentraram uma residência localizada no Jardim Bela Vista. Os ladrões arrombaram a porta dos fundos da residência e levaram alguns objetos do local. A PM realizou patrulhamentos, mas não encontrou nenhum suspeito.



    População do Abapan e região sofre com furtos e pede mais segurança.

    Os constantes furtos e arrombamentos que vem ocorrendo na região do Abapan vêm deixando a população preocupada. Os moradores pedem mais rondas policiais no local.

    A onda de furtos tem sido constantes na região, uma mulher que teve sua residência invadida no sábado, conversou com a nossa equipe para registrar a indignação com o numero de arrombamentos.

    Ela teve a casa arrombada em três oportunidades, sendo que a última foi na noite de sábado (26), quando os marginais danificaram a janela, levaram vários objetos e fugiram após escutar o barulho do carro da família.

    Segundo a mulher, que não quis ser identificada, somente nas redondezas de onde reside os números de furtos são grandes. ”Todo final de semana há roubos na região. Cerca de 10 residências já foram arrombadas, fora as chácaras nas redondezas”, ressalta.

    Ainda segundo a mulher, de uns tempos pra cá, a coisa só piora no Abapan, não são só os roubos que assustam e tiram a tranqüilidade dos moradores, tiroteio e bagunça nos finais de semana já se tornaram comuns na região. Por se tratar de local pequeno, os moradores sabem quem são os autores dos arrombamentos, grande parte deles menores de idade.Nesta segunda-feira(28), a mulher registrou o B.O na delegacia de Castro.

    Avon